Aulas de zumba tem sido um sucesso para quem procura aliar a boa forma com a dança. Esse tipo de exercício rítmico chegou ao Brasil há poucos anos.

Da mesma forma foi um sucesso, principalmente com as mulheres que aceitaram bem antes dos homens esse novo tipo de exercício.

Igualmente as aulas de Zumba foram popularizadas amplamente, hoje é impossível encontrar uma academia que não ofereça essa prática física. Que consegue emagrecer e entreter ao mesmo tempo.

Onde Nasceu A Zumba

A história de origem da Zumba vem especificamente da Colômbia, nos anos 90. Alberto Perez, trabalhava como personal trainer de uma academia regular do país e uma de suas esqueceu os materiais.

A partir daí o colombiano pensou em como daria aquela aula sem seus materiais. O personal começou a improvisar com as fitas que ele tinha em seu carro.

Alberto Perez- Criador das aulas de zumba.

Consequentemente os gêneros que o professor tinha eram de merengue e salsa. E não é que deram muito certo!

Logo, Alberto viu com bons olhos aquela adaptação das aulas comuns. A zumba foi consagrada quando levada aos Estados Unidos, no início dos anos 2000.

Depois dos ares americanos a prática aeróbica foi alçada a nível global e a maioria dos países aceitaram a Zumba como atividade aeróbica.

Ainda mais com a criação novos movimentos e agregando novos ritmos, agora com total intenção de cria um programa adequado de exercícios.

Zumba Na Prática

As aulas de Zumba são caracterizadas pelo uso de ritmos latinos, que tem como características marcantes de serem bem dançantes. Como todo estilo tem sua evolução de acordo com o tempo, com a zumba não foi diferente.

A grande sacada foi misturas os movimentos de dança com os movimentos da ginástica, o que tornou os exercícios muito mais interessantes. A zumba partiu de um esquecimento para se tornar um líder, quando o quesito são os atividades físicas aeróbicas.

O colombiano fundou uma empresa com o mesmo nome da prática e passou a divulgar a Zumba oficialmente por todo o mundo.

Atualmente a Zumba abrange alguns gêneros:

  • Samba
  • Salsa
  • Merengue
  • Hip-hop
  • Flamenco
  • Dança do ventre
  • Cumbia
  • Reggaeton

Entretanto, se você acha que precisa ser um bailarino completo para realizar os treinamentos de Zumba, está enganado. As músicas mudam a cada quatro minutos e claro os passos também.

O que é necessário para se manter no exercício é ter foco e aproveitar os benefícios da Zumba. Vale lembrar que a dança é o adicional físico do treinamento, não se trata de dançarinos profissionais.

Mas sim pessoas que estão focadas em um mesmo objetivo. O objetivo de emagrecer com uma prática bem mais divertida do que as comuns.

Dúvidas Sobre Aulas De Zumba

Apesar do exercício aeróbico ser bem famoso, ainda existem muitas dúvidas do que acontece nas aulas, como:

  • Qual faixa etária é recomendado?
  • Qual a duração das aulas?
  • É muito difícil?

Bom, vamos as respostas dessas dúvidas que pairam a cabeça dos que querem praticar. Quanto à faixa etária, não uma restrição para nenhuma idade. Mas obviamente a uma adequação de exercícios para quem os pratica.

Ou seja, a carga de trabalho físico para a terceira idade será bem diferente para os mais jovens.

Já quando falamos da duração das aulas, ficamos na média entre 40 a 60 minutos. Você pode até pensar é bem rapidinho. Realmente é um tempo reduzido em relação a outros exercícios por causa da intensidade da Zumba. O número de aulas  ser realizados na semana é ilimitado, ou seja, o aluno pode fazer todos os dias, se assim desejar.

Agora a questão que não quer calar: É muito difícil? Longe disso, a Zumba trata-se de uma série de movimentos de danças latinas simples.

Essa escolha é justamente para promover a entrada de todos os tipos de pessoas possíveis. Por outro lado a Zumba tem a possibilidade de ser praticada em qualquer ambiente, em parques, praias, dentro de piscinas e até mesmo dentro de casa. Não tem desculpa de não ter lugar para fazer hein!

Benefícios Das Aulas De Zumba

O exercício é uma opção divertida para quem deseja entrar em forma. Os participantes adquirem aumento da eficiência dos sistemas cardiorrespiratório e cardiovascular, melhora a postura corporal, a tonificação muscular e o equilíbrio.

Além de reduzir os níveis de estresse. Durante a prática, o músculo cardíaco, as musculaturas dos membros inferiores (glúteos e pernas) e dos membros superiores (tronco, incluindo região abdominal) são bastante contemplados.

  1. Acelerar o metabolismo e emagrecer, pois trabalha exercícios aeróbicos que aceleram os batimentos cardíacos, o que aumenta a queima de gordura;
  2. Combater a retenção de líquidos, por melhorar a circulação sanguínea;
  3. Fortalecer o coração, porque o ritmo acelerado aumenta a resistência a esse órgão;
  4. Aliviar o estresse, pois as aulas são feitas em equipe e com músicas animadas, que liberam o estresse e aumentam o ânimo;
  5. Melhorar a coordenação motora, pois os movimentos ritmados ajudam a dominar o corpo e coordenar os movimentos;
  6. Melhorar o equilíbrio, devido aos movimentos que incluem saltos, giros e troca de passos constante;
  7. Aumentar a flexibilidade, pois também inclui exercícios de alongar os músculos.

Zumba Contra A Depressão

Além de todos esses benefícios, o melhor para os tempos onde ninguém para é a redução do estresse. A alternância de ritmo e os exercícios aeróbicos reduzem o estresse em quantidades exorbitantes. Isso acontece pela liberação da serotonina, conhecido como o hormônio do bom humor.

Então para as pessoas que têm condições relacionadas à depressão, pânico ou crise de ansiedade, as aulas de zumba são muito indicadas.

Apesar de ter esse início improvisado a Zumba hoje é sem dúvidas um dos exercícios mais qualificados para a perda de peso. Portanto a escolha do exercício é um saldo positivo para saúde.

Ainda vale lembrar que antes de qualquer prática física merece um acompanhamento nutricional e de um profissional adequado para começar com as práticas adequadas para cada pessoa.

Enfim, a Zumba veio para ficar e agregar pessoas que nunca pensaram que frequentariam ambientes de academia para os exercícios físicos. Com o ponto principal de não ser massante e uma atividade divertida para os alunos.