Você sabe o que é a fase excêntrica e fase concêntrica? É comum em todas as diversas áreas existirem termos técnicos para definir determinadas coisas. Na área da musculação não poderia ser de forma diferente. Pois existem muitos termos técnicos para descrever determinados tipos de movimentos, dentre outras coisas.

Quando as pessoas decidem iniciar na musculação, elas podem ficar perdidas diante de tantos termos. Alguns, ainda, podem passar anos até ouvir falar pela primeira vez. Ademais, para entender um pouco sobre esses termos, é preciso muita pesquisa e leva-los para a prática para a melhor compreensão.

Dois desses termos que são comumente usados nas academias, são: a fase excêntrica e fase concêntrica. Abaixo detalharemos mais sobre esses termos para pessoas iniciantes na musculação ou que tenham interesse em aprender sobre os mesmos.

Saiba O Que São E As Diferenças Das Fase Excêntrica E Fase Concêntrica:

O Que É A Fase Concêntrica?

A fase concêntrica é uma fase que irá compor quase todo, se não todo, os movimentos na musculação. Essa fase também pode ser conhecida como fase positiva. Os movimentos, de forma geral, são compostos por duas fases e a sua outra fase é a excêntrica, da qual trataremos posteriormente.

Em resumo, a fase concêntrica do movimento é a fase de contração do músculo. Geralmente, quando algum tipo de peso é puxado ou levantado existe uma maior concentração e força naquele movimento que irá resultar em uma tensão do músculo.

Segue abaixo um exemplo de movimento concêntrico na musculação.

fase-excêntrica-e-fase-concêntrica

Na fase concêntrica da musculação, o sangue tende a ser comprimido por algum tempo em determinado músculo. Geralmente, o tempo equivale a quantidade de tempo em que essa fase é realizada.

A fase concêntrica é a responsável pela causa de micro lesões musculares, que estimularão o crescimento do músculo no processo de recuperação.

O Que É Fase Excêntrica?

Quando você entende o que é a fase concêntrica fica muito mais fácil entender a outra fase – a fase excêntrica – do movimento. De forma resumida, ela será apenas o oposto da fase anterior – a fase conhecida como fase concêntrica.

Assim, se a fase concêntrica é a responsável pela contração muscular, a fase excêntrica será a responsável pelo relaxamento desse mesmo músculo. Geralmente, logo após realizar o movimento concêntrico de um determinado exercício de musculação, pode ser observada a fase excêntrica.

Essa fase muitas vezes pode ser equivalente ao movimento inicial do exercício. E pode ser entendido como o alongamento daquele respectivo músculo.

No movimento excêntrico, o músculo vai fazer um certo esforço para alongar com um peso extra da carga utilizado no exercício. Quando esse movimento for realizado, será utilizada uma quantidade muito grande de fibras musculares e por essa razão ele será muito importante para o crescimento muscular.

Segue abaixo um exemplo de movimento excêntrico.

fase-excêntrica-e-fase-concêntrica

Diferenças Entre A Fase Concêntrica E Excêntrica

A principal diferença entre a fase excêntrica e a fase concêntrica é, como já falamos anteriormente, que uma tem o poder de contrair o músculo enquanto a outra tem o poder de alongar o mesmo.

A fase concêntrica irá focar nas pequenas lesões musculares que são necessárias para o crescimento do mesmo. Enquanto isso, a fase excêntrica foca nas fibras musculares necessárias para o alongamento posterior do músculo.

Técnicas Dos Movimentos Concêntrico E Excêntrico

Nos movimentos concêntricos e excêntricos existem algumas técnicas que podem ser adquirias ao longo dos anos, ou repassada pelo instrutor que te acompanha. Essas técnicas podem e devem ser utilizadas como estratégias para a hipertrofia dos músculos.

Algumas dessas técnicas serão descritas a seguir.

1.    Técnica de Drop Sets

Essa técnica tem sido muito utilizada por diversas pessoas que praticam a musculação. Ela consiste em repetir o movimento até a falha. Isso significa que você vai repetir o movimento até seu músculo falhar. Isso quer dizer que quando começar a tremer você irá insistir até não conseguir mais fazer o movimento.

Em seguida, o próximo passo será diminuir o peso e repetir o movimento até a falha novamente. Você deve ter em mente que a falha física é diferente da mental. Muitas pessoas se sabotam por estarem cansadas e acham que já chegaram na falha.

Você pode repetir até pegar o menor peso possível. Essa técnica deve ser feita sem descanso entre as repetições.

2.    Repetições parciais

É uma técnica que dá ênfase principalmente ao movimento excêntrico. É quase igual a primeira técnica no que diz respeito a falhas e exaustão. Mas existem várias formas de utilizar essa técnica.

A forma mais conhecida de colocar essa forma em prática é utilizando, comumente, o instrutor. Enquanto o praticante da musculação faz o movimento concêntrico, o instrutor irá forçar o peso para a fase excêntrica.

O objetivo é elevar a intensidade do movimento. E além disso, levar o músculo a exaustão.

Aplicações Da Força Excêntrica E Concêntrica

Agora que você já sabe o que é fase excêntrica e fase concêntrica, quais suas diferenças e as técnicas que podem ser utilizadas, agora basta você aprender uma coisa. Qual a forma correta e como aplicar essas forças.

Para conseguir a hipertrofia tão desejada o músculo deve ser submetido a alguma estratégia que o trabalhe por pelo menos de 60 a 70 segundos. Durante esse período, o músculo deve ser submetido a um trabalho intenso.

Sendo assim, segue um exemplo de tempo a ser seguido ao se realizar essas forças de forma correta, para que a hipertrofia seja alcançada.

  • 8 repetições de movimento concêntrico com duração de 2 segundos cada.
  • 8 repetições de movimento excêntrico com duração de 6 segundos cada.

Isso totaliza 64 segundos de tensão sobre o músculo. Dentro do limite ideal para um bom trabalho.

Esse foi somente um exemplo, e pode ser realizado de diversas formas, mas caso você seja iniciante pode utilizar como base. Com o tempo poderá mudar com o auxílio do seu instrutor.

Agora que você já sabe o que é a fase excêntrica e a fase concêntrica do movimento na musculação, você pode usar as técnicas a favor do seu treino. Lembrando que, sempre é recomendado a instrução de um profissional.